052 | Não percebemos como somos abençoados à cada manhã

A rotina, nos deixa acostumados a não perceber como somos abençoados a cada manhã… Mas do que eu estou falando? A rotina acaba ‘cegando’ as misericórdias que vivemos todos os dias e deixamos de agradecer por elas…

Dormimos, por que havia uma casa para nos abrigar, dormimos, por que havia uma cama para deitarmos, não passamos frio, por que havia um cobertor para nos esquentar, ou quem sabe, o forte calor foi amenizado, por que tínhamos um ventilador para nos refrescar, acordamos seguros, por que tivemos um Deus que nos trouxe segurança, acordamos seguros, por que temos um Deus que nos trouxe paz, acordamos, respiramos e falamos, por que Deus nos concedeu a saúde física, emocional e até a saúde espiritual…

Eu te faço uma pergunta: O quantos não tiveram nada disso?

Não tiveram uma casa, e dormiram nas ruas. Não tiveram uma cama, e dormiram no chão. Não tiveram um cobertor, e dormiram ao relento. Não tiveram a paz, e não conseguiram dor de medo. E quantos acordaram sequelados, catatônicos ou sequer acordaram?

E para comer? Muitos acordaram e deleitaram-se em saborosos e fartos cafés da manhã, e aqueles que não tem o que comer? Não seja ingrato e agradeça ao Senhor pelo que tu tens. Se você tem ‘apenas’ pão com margarina e café, agradeça ao Senhor, por que milhares nem pão tem e trocariam de lugar com você facilmente se essa chance fosse dada a eles.

Temos motivos de sobra para agradecer a Deus pelas misericórdias e pelas bençãos de cada manhã, mas a rotina de sempre ter tudo isso, acaba cegando o nosso entendimento e deixamos de agradecer pelo bem que tem feito a nós.

Agradeça ao Senhor!

Pr. Léo Vilhena


NOTA: Escute essa canção

admin

Léo Vilhena | Doutor em Teologia | Especializado em Psicologia Pastoral | Especializado em Bases Doutrinárias | Autor de 20 livros publicados | O Blog PPR é um ministério voltado a levar a Mensagem da Cruz, sem falsidades, sem enganos, sem falácias, sem mentiras ou Hipocrisias. Falamos a Verdade com verdade. Levamos o Evangelho a sério.